Leilão de 12 aeroportos fatura R$ 2,4 bilhões para os cofres públicos

sexta-feira, 15 março, 2019 | 14:19

Compartilhe

Grupo espanhol arremata maior número de aeroportos do bloco Nordeste

 

O leilão promovido pelo governo federal de 12 aeroportos espalhados por 3 regiões do Brasil rendeu R$ 2,4 bilhões em arrecadação aos cofres públicos. Empresas estrangeiras dominaram a disputa pelos terminais, que recebem cerca de 20 milhões de passageiros por ano.

Realizado nesta sexta (15) na B3, em São Paulo, o leilão teve ágio médio de 986% em relação ao mínimo exigido pelo edital para o valor de outorga inicial. A concessão valerá por 30 anos.

A disputa foi dividida em três blocos: Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste. Nove grupos empresariais apresentaram propostas pelos aeroportos, localizados em capitais e cidades de regiões metropolitanas.

A maior vencedora foi a espanhola Aena, que controlará o disputado bloco Nordeste, com terminais em Recife, João Pessoa, Aracaju, Maceió, Juazeiro do Norte e Campina Grande. O consórcio ofereceu R$1,9 bilhão pelo controle dos aeroportos.

A partir de agora, o número de terminais gerenciados pela iniciativa privada passará de 10 para 22 em todo o país.

Redação / Foto divulgação: Aeroporto Internacional de Guararapes – Recife-PE


Deixe seu comentário