Meta cumprida: frequência escolar é uma condicionalidade do Bolsa Família

quinta-feira, 16 maio, 2019 | 09:25

Compartilhe

Uma das condicionalidades do Programa Bolsa Família é a frequência escolar de crianças e adolescentes, que são beneficiados pelo programa. A frequência escolar mensal é uma responsabilidade assumida pelas famílias ao se tornarem beneficiadas.

O primeiro bimestre letivo de 2019, com relação a frequência escolar, foram registradas cerca de 12.4 milhões de presenças escolares de alunos, sendo esse número um recorde para esse bimestre. Esta deve corresponder no mínimo 85% para crianças e adolescentes de 6 a 15 anos e 75 % para os beneficiários com faixa etária entre 16 e 17 anos.

AS redes municipais e estaduais de ensino que são coordenadas pelos Ministérios da Saúde e Cidadania, que realizam o monitoramento dos beneficiários em idade escolar. Destes 12.4 milhões de alunos acompanhados, 95% destes cumpriram a condicionalidade de frequência escolar.

Segundo o secretário nacional de Renda e Cidadania, Tiago Falcão, estas condicionalidades são aspectos positivos para o acompanhamento dos beneficiários e que se estes dados tiveram êxito, deve-se a escolha de combinar o Programa Bolsa Família com as condicionalidades de educação e saúde.

Em Águas Lindas os índices de frequência escolar subiram, assim como os índices de abandono escolar caíram, desde a implementação do projeto Evasão Zero, que tem por objetivo o acompanhamento escolar dos alunos da rede municipal de ensino e o combate ao abandono escolar.

Acompanhe mais informações nas redes sociais da Prefeitura de Águas Lindas:

Facebook: https://www.facebook.com/GovernoMunicipalDeAguasLindas

Instagram: https://www.instagram.com/prefeitura.aguaslindas

Da Assessoria de Comunicação da Prefeitura

Fotos: ASCOM


Deixe seu comentário