PGR oferece denúncia de peculato contra Geddel, Lúcio e mãe

quarta-feira, 5 dezembro, 2018 | 18:26

Compartilhe
  • 5
    Shares

Além do ex-ministro Geddel Vieira Lima e família, outros cinco são acusados de se apropriar de recursos públicos que deveriam ser usados para pagar salários de assessores parlamentares. Investigações revelaram funcionários-fantasma, sem qualquer relação com atividade parlamentar. Só em um caso, foram desviados R$ 4 milhões em pagamento ilegal de funcionário num período de 27 anos. Caso passou a ser investigado quando foi descoberto o bunker de Geddel, em Salvador, com malas de dinheiro somando R$ 51 milhões em espécie.

 

Redação


Deixe seu comentário