Toffoli ficará no STF por mais 25 anos sem voltar ao ser o presidente

quinta-feira, 9 agosto, 2018 | 09:13

Compartilhe

Eleito o 48º presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) aos 50 anos, o ministro Dias Toffoli permanecerá na Corte, se quiser, pelos próximos 25 anos, mas não voltará a presidi-la. É que a prioridade será de quem ainda não ocupou o cargo, e no STF cinco ministros ainda não o presidiram. Sem contar os futuros nomeados para vagas a serem abertas. Haverá sempre um ou mais ministros à frente de Toffoli.

Ainda não presidiram o STF os ministros Luiz Fux, Rosa Weber, Luís Roberto Barroso, Edson Fachin e Alexandre de Moraes.

A partir de 13 de setembro, Toffoli será o mais jovem presidente da História, incluindo o Império, quando era Supremo Tribunal de Justiça.

A expectativa do STF e entre advogados é de que será marcante a gestão de Dias Toffoli, assim como ganhou elogios ao presidir o TSE. (DP)


Deixe seu comentário