Vai viajar para o Canadá? Saiba o que levar na mala

quinta-feira, 11 janeiro, 2018 | 16:23

País tem batido recordes históricos de temperaturas negativas. Especialista explica como se preparar para curtir a viagem sem sofrer com o frio

Que o Canadá é um país belíssimo, não dá para negar. É um destino muito bem elogiado pelos turistas, que se encantam com as belezas do país. Porém, as vésperas do Ano Novo, o frio alcançou – 30 graus Celsius, com sensação térmica abaixo de – 40 graus Celsius. Para se ter uma ideia, zoológicos canadenses estão usando sistemas de calefação para os pinguins! Mas se você está com viagem marcada, calma! Com as roupas certas é possível curtir a viagem, sem precisar desmarcar.

A empresária Gleusa Dornelles, da loja Artchê (209 Sul) é uma especialista quando o assunto é moda para inverno rigoroso. Há quase 30 anos trabalha com este segmento e conta que o setor evoluiu bastante. “Temos malhas altamente tecnológicas capazes de proteger a pele das adversidades térmicas. E elas são leves, ocupando pouquíssimo espaço na mala”, destaca.

Gleusa deu dicas preciosas para compor a mala com o essencial, afinal ninguém quer pagar por excesso de bagagem:

Casaco impermeável: para curtir a neve (que é feita de água), é preciso investir em peças que não ficarão molhadas. O fleece é um ótimo tecido, é uma espécie de moletom térmico. Se quiser investir em peças coringas, opte por cores mais neutras e de preferência com gola alta.

Calças e blusas térmicas: são malhas que ficam em contato direto do corpo, criando uma camada protetora, embaixo das demais peças de roupa. Nesse quesito, é bom ficar atento à qualidade do material, pois vai assegurar um isolamento, para que o calor do próprio corpo não se perca.

Sapatos/ botas impermeáveis e antiderrapantes: em contato com a neve, sapatos de tecido ficam molhados, além de danificar o material. Couro, camurça e outros materiais típicos de um clima mais friozinho, chegam a queimar em contato com a neve. É preciso ficar atento se o material é impermeável e se o solado tem proteção antiderrapante, normalmente estes modelos tem pequenas travas.

Touca e tapa-orelhas: comumente esquecidos pelos viajantes de primeira viagem. Protegem a cabeça, ouvidos e orelhas das agressões do tempo.

Cachecóis: como são peças menores, vale investir em cores variadas para dar destaque ao look (principalmente se levar poucos e discretos casacos). Na hora de escolher o material adequado, pense em como quer usar. Lãs e tecidos mais naturais ficam molhados, então devem ser usados por dentro dos casacos. Se quiser expor e dar um toque diferenciado ao visual, eleja materiais sintéticos que não molhem

Conectado: turistas querem mais é tirar fotos e postar nas redes sociais. Pensado nisso, adote luvas especiais para sensibilidade touch screen. Também vale procurar casacos com bolsos internos para proteger o celular, pois a bateria descarrega mais rapidamente em baixas temperaturas.


Deixe seu comentário