Senado tem nove embaixadores na fila de espera por aprovação

0
79
Compartilhe

Apreciação depende da vontade do presidente do Senado, Davi Alcolumbre, de colocar em votação

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), não tem pressa: nove nomeações de embaixadores brasileiros do presidente Bolsonaro estão na “fila de espera” de votações. A indicação de embaixadores é feita através de Mensagem Presidencial à Comissão de Relações Exteriores, que depois é avaliada no plenário. Mas depende da vontade de Alcolumbre, que precisa incluir esses itens na pauta do Senado.

Procurada, a Presidência do Senado não se pronunciou sobre se há estimativa para a análise dos indicados de Bolsonaro.

Há cinco diplomatas indicados pelo presidente que sequer passaram pelo primeiro passo: a sabatina na Comissão de Relações Exteriores.

São quatro os diplomatas aprovados na CRE, mas que ainda precisam ter as nomeações analisadas pelo plenário. Média de espera: 48 dias.

O Senado aprovou sete embaixadores que já tiveram seus nomes publicados no Diário Oficial. Há dois aprovados ainda sem publicação. (DP)