GDF | Mais 20 leitos de UTI com hemodiálise na UPA de Sobradinho

0
18
Compartilhe

 

Equipamentos estão prontos para uso. Investimento foi de R$ 17,9 milhões.

 

Nesta sexta-feira (14), 20 novos leitos de UTI completos com respiradores e suporte de hemodiálise para pacientes com Covid-19 entraram em funcionamento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Sobradinho, administrada pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF). O investimento é de R$ 17.928 milhões.

O diretor-presidente do Instituto, Sergio Costa, foi pessoalmente vistoriar a nova estrutura e reforçou que os leitos já estão prontos e em plenas condições para entrar em uso. Agora, as vagas serão reguladas pela Secretaria de Saúde do DF, que vai encaminhar os pacientes de acordo com o perfil clínico.

De acordo com a superintendente Pré-Hospitalar do Iges-DF, Nadja Carvalho, as UPAs já disponibilizaram 82 leitos. “São  42 na UPA do Núcleo Bandeirante, 10 na Ceilândia, 10 em São Sebastião e hoje mais 20”, contabilizou.

“Os leitos estão sendo ativados de acordo com a projeção do número de casos. Esses 20 leitos potencializam nossas ações em reposta às necessidades da sociedade. É importante ressaltar que eles têm suporte dialítico para pacientes com evolução para o quadro de insuficiência renal, dando todo o suporte necessário e garantindo o restabelecimento da saúde”, disse.

“Esses leitos chegam para dar apoio aos pacientes vítimas da Covid-19. É uma estrutura excelente, que dá uma maior segurança para a Secretaria de Saúde do DF dar o apoio à população no combate à pandemia da Covid-19”, reforçou o secretário adjunto de Saúde do DF, Olavo Muller, durante a vistoria.

Suporte

Os leitos de UTI ativados contam com ventiladores pulmonares, equipamentos de hemodiálise, pontos de gases medicinais, monitores multipârametros, bombas de infusão, cardioversores, entre outros aparelhos.

A UPA continuará atendendo pacientes que busquem outros tipos de atendimento. Por isso, as alas que receberão esses pacientes foram isoladas e contam com sala de paramentação e desparamentação, evitando a contaminação em outros setores. Antes, já tinham sido erguidas tendas na área externa para atender pacientes com suspeita e casos confirmados da Covid-19 nas UPAs.

Diferencial

Os pacientes dos leitos de UTI da UPA de Sobradinho ganham um lugar especial para colocar fotos de parentes e familiares. O projeto Memória da Vitória tem como objetivo humanizar o atendimento. Basta que os familiares levem a foto, que será digitalizada, impressa e colocada num suporte de acrílico colado acima de cada leito. Quando receber alta, o paciente receberá um porta-retrato com a frase “Venci a Covid-19”, onde poderá colocar a foto e levar para casa.

*Com informações da Secretaria de Saúde/Agência Brasília