Idosos e deficientes que aniversariaram em janeiro têm até dia 30 para atualizar o CadÚnico

0
92
Compartilhe

Idosos e deficientes beneficiários do Benefício de Prestação Continua (BPC) que fizeram aniversário em janeiro devem atualizar o Cadastro Único (CadÚnico) até o dia 30 deste mês. Fazer o procedimento é fundamental para que o benefício não seja suspenso. O Distrito Federal iniciou o ano com cerca de 23 mil pessoas precisando fazer o recadastramento ou a averiguação e revisão, o que deveria ter sido finalizado no ano passado. A gestão do governador Ibaneis Rocha, porém, tem conseguido reduzir significativamente essa cifra . “Caminhamos bastante, mas precisamos zerar esse número para que todos tenham seu direito assegurado”, enfatiza o secretário de Desenvolvimento Social, Eduardo Zaratz.

Entre as medidas adotadas pelo GDF, destaca-se o reforço do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal na execução da atualização cadastral. A força-tarefa ocorre em 19 quartéis até o fim do mês. Todos os militares da operação participaram de duas semanas de capacitação e outras duas de ambientação para estarem aptos a receber os beneficiários e realizar o procedimento. Além disso, as equipes em 21 unidades do Centro de Referência em Assistência Social (Cras) seguem com esse trabalho rotineiro.

De acordo com o Ministério da Cidadania, em todo o Brasil, aproximadamente 1,1 milhão de pessoas ainda não fizeram a inscrição no Cadastro Único do Governo Federal. Segundo o secretário especial do Desenvolvimento Social do DF, Lelo Coimbra, a intenção é assegurar que a concessão de benefícios funcione da melhor maneira possível. “A necessidade do cadastro é apenas uma garantia, uma segurança para quem recebe e para o governo, que paga; assim, podemos garantir o repasse para todos que precisam”, afirma.

Quem precisa fazer?

Devem atualizar o cadastro deficientes e idosos beneficiários que fizeram aniversário em janeiro, bem como todas as pessoas que, anualmente, passam pelo processo de averiguação e revisão dos dados cadastrais. Nesse último caso, basta ficar atento a um chamamento feito via correspondência pelo Ministério da Cidadania ou no extrato bancário, onde uma mensagem alerta sobre a necessidade de atualizar as informações.

Esta etapa do recadastramento dos beneficiários do BPC tem foco em pessoas que fizeram aniversário de janeiro. Porém, quem fez em fevereiro e março também pode marcar o agendamento. As datas específicas para cada mês foram estabelecidas pelo Ministério da Cidadania.

O beneficiário deve ligar no 156 ou fazer o agendamento online pelo http://www.sedes.df.gov.br/agendamento-cadunico/. É necessário ter em mãos o Cadastro de Pessoa Física, (CPF) e comprovante de residência. O registro também pode ser feito por um responsável familiar.

Com informações da Secretaria do Desenvolvimento Social