“Plano do Felipe Neto é massacrar quem fica contra ele”, diz Antonia Fontenelle

0
41
Compartilhe

 

Antonia Fontenelle vive uma batalha na Justiça contra os Irmãos Neto, por conta de um post em que a apresentadora associou a imagem de Felipe Neto e Luccas Neto à pedofilia. Em entrevista ao Portal R7, a apresentadora se pronunciou sobre o caso, negando, inclusive, que a decisão judicial tenha sido uma derrota dela.

“Quem tem que ficar incomodado com as próprias atitudes são as pessoas, porque isso é um problema delas para com elas. É um problema das pessoas que vivem de mentira e que vivem para prejudicar o outro. A mim, não me atinge. Eu lido com a verdade. O resto, eu não posso fazer nada. Eu faço a minha parte e a minha parte é lidar com a verdade”, disse.

Na sequência, Fontenelle diz que ela não esconderia do público uma possível “baixa na Justiça”: “O plano de Felipe Neto é massacrar quem fica contra ele. Sempre foi esse o plano e ele tem gente do lado dele”. “Eu quero mostrar a verdade e faço isso através dos meus advogados. Porque isso não é um blá, blá, blá de youtuber. Isso aqui é uma briga judicial que tomou uma dimensão nacional”, completou.

Ainda na entrevista ao R7, Fontenelle destacou que os irmãos transformaram uma desavença em “briga política”. “Essa briga é uma mãe e uma avó que estão vendo o Felipe Neto fazer besteira desde sempre. Ele tentou me dar um golpe em 2015. E eu falo isso e as pessoas não prestam atenção do porquê a Antônia está se rebelando contra Felipe Neto. É porque deu, chega! Pra mim deu! Estamos em 2020 e eu vendo Felipe fazer coisas terríveis desde então. Alguém tem que ter coragem de enfrentar ele”, desabafou.

O Portal informa que entrou em contato com a assessoria dos Irmãos Neto para comentar sobre o assunto. Em nota, eles disseram que irão atrás de quem compartilhou o material que os relacione a crimes.

“A assessoria dos irmãos Neto informa que todos aqueles que criarem ou compartilharem material que os relacione ao cometimento de crimes serão responsabilizados judicialmente, em âmbito cível e criminal. Eles reafirmam a defesa da liberdade de expressão, desde que obedecidos os limites legais. Todos aqueles que cometerem os crimes de calúnia, injúria e difamação, responderão por seus atos.”

Na nota, a assessoria informa também que eles não se pronunciarão sobre o caso: “Felipe e Luccas Neto afirmam que não irão se pronunciar publicamente sobre qualquer acusação relacionando sua imagem a crimes, bem como afirmações mentirosas, levianas e irresponsáveis. As medidas tomadas e o desenrolar das mesmas serão realizadas somente através da Justiça, por meio de seus advogados. A internet não é terra sem lei e há de se ter compromisso e responsabilidade com aquilo que se fala e publica”. (IstoÉ)