Essas nossas mulheres

0
1
Compartilhe

Há dez meses, Elvis Moreira começou, sem pretensão alguma, a fotografar suas amigas mais próximas em sua casa. Buscava referências na internet, fazia o convite e procurava captar um pouco da particularidade de cada uma delas em imagens sempre em preto e branco. Gostou do resultado e, desde então, não parou mais. Passou a agendar ensaios e percebeu o potencial que as fotos tinham para ganhar notoriedade na rede. Foi assim que nasceu o projeto “Essa minha mulher”.

essas-nossas-mulheres-cleo-pires-bruna-marquezine-carolina-dieckman-camila-rodirgues-giovanna-lancellotti-vip-6

Giovanna Lancellotti (Elvis Moreira/Reprodução)

essas-nossas-mulheres-cleo-pires-bruna-marquezine-carolina-dieckman-camila-rodirgues-giovanna-lancellotti-vip-2

Bruna Marquezine (Elvis Moreira/Reprodução)

“Ao longo do tempo, fui percebendo a reação, a alegria delas. E notando o sentimento de redescoberta que cada mulher expõe quando vê o resultado final. Isso é incrível, é gratificante, é como se descobrissem algo que estivesse perdido dentro delas, algo ou alguém que talvez o tempo e o dia a dia tenham, de alguma forma, afastado”, diz. “Isso me motivou a querer conhecer um pouco mais dessas mulheres.” Mergulhou no universo de cada uma ao começar a fotografá-las em suas casas, o que as deixava mais à vontade – como as imagens aqui mostram.

essas-nossas-mulheres-cleo-pires-bruna-marquezine-carolina-dieckman-camila-rodirgues-giovanna-lancellotti-vip-2

Tiwana Mendonça (Elvis Moreira/Reprodução)

essas-nossas-mulheres-cleo-pires-bruna-marquezine-carolina-dieckman-camila-rodirgues-giovanna-lancellotti-vip-2

Cláudia Lopes (Elvis Moreira/Reprodução)

Gaúcho radicado no Rio de Janeiro, Elvis sempre tratou a fotografia como um hobby, mas, com o projeto tomando cada vez mais espaço em sua vida, acabou pedindo demissão da empresa em que trabalhava no ano passado para ir atrás de novas possibilidades. Até agora foram retratadas mais de 30 mulheres, anônimas e famosas – entre elas, as atrizes Cleo Pires, Bruna Marquezine e Giovanna Lancellotti –, no Rio de Janeiro, São Paulo, Petrópolis e Nova York. Hoje, todas as imagens são divulgadas em uma conta no Instagram que leva o nome do projeto e tem mais de 38 mil seguidores. Nela, a explicação do conceito: “É a expressão da mulher que eu sou, que eu posso ser e que por muitas vezes escondo”. Segundo Elvis, seus esforços estão concentrados também nos planos para transformar o projeto em exposição e livro.

essas-nossas-mulheres-cleo-pires-bruna-marquezine-carolina-dieckman-camila-rodirgues-giovanna-lancellotti-vip-2

Carolina Dieckmann (Elvis Moreira/Reprodução)

essas-nossas-mulheres-cleo-pires-bruna-marquezine-carolina-dieckman-camila-rodirgues-giovanna-lancellotti-vip-8

Camila Rodrigues (Elvis Moreira/Reprodução)

essas-nossas-mulheres-cleo-pires-bruna-marquezine-carolina-dieckman-camila-rodirgues-giovanna-lancellotti-vip-8

Cleo Pires (Elvis Moreira/Reprodução)