Ministro da Educação informa que pela última vez Enem é no papel

0
525
O ministro da Educação, Abraham Weintraub apresenta novidades do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020.
Compartilhe

 

Ele reforçou orientações quanto ao horário e normas como o uso de boné e óculos de sol proibido pelos estudantes.

 

Abraham Weintraub, ministro da Educação, falou em rede nacional na noite deste sábado (2) para falar sobre o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019. Além de desejar sorte aos estudantes, o político também passou algumas orientações a respeito de horários, regras e normas da prova. A novidade é que o próximo Enem será digital.

“Venho aqui passar algumas orientações. Para fazer a prova, o candidato tem que utilizar a caneta em tinta preta em material transparente. Isso é importante! Se quiser, pode levar outra caneta de tinta preta”, começou Weintraub.

“Para dar mais segurança, o Enem 2019 terá uma nova regra: Qualquer som emitido por aparelhos eletrônicos gerará a eliminação dos candidatos na hora, mesmo que estejam lacrados pelos fiscais”, avisou.

O ministro da Educação também falou para os estudantes tomarem cuidado com as “fake news” relacionadas ao Enem e exaltou o fato da mudança para a prova digital, que será implantada a partir de 2020.

“Esta será a última edição totalmente em papel. A partir de 2020, daremos início ao Enem Digital. Mais uma ação inovadora do governo Jair Bolsonaro”, disse.

“Faço aqui um reforço e apelo: procure se informar pelos canais oficiais do Mec e do Inep. Duvide de informações divulgadas nas redes sociais. Podem ser fake news”, complementou.