Operação da PF mira compra de respiradores para Covid-19 na prefeitura de Recife

0
21
Compartilhe

 

A Polícia Federal deflagrou segunda fase de Operação Apneia que cumpre mandados de busca e apreensão na  Prefeitura de Recife-PE. A suspeitas de irregularidades em contratos celebrados para a compra de respiradores pulmonares durante a pandemia da Covid-19, por meio de dispensas de licitação, pela Secretaria de Saúde da capital pernambucana.

O prefeito de Recife, Geraldo Júlio (PSB), já divulgou nota: segundo ele, “a referida compra foi cancelada pela Secretaria de Saúde e o único valor pago, de R$ 1,075 milhão, já foi devolvido pela empresa à Prefeitura no último dia 22. Portanto, não há possibilidade de haver qualquer prejuízo à Prefeitura do Recife”.