Cruzeiro perde Robinho para último jogo contra Palmeiras

0
84
Compartilhe

 

A fase do Cruzeiro que pode ter confirmado rebaixamento para a série B continua péssima. No último confronto do Brasileirão contra o Palmeiras não contará com o importante jogador para o elenco. Time precisa vencer o Verdão e torcer pela  derrota do Ceará frente ao Botafogo, no Engenhão.

A lesão sofrida pelo meia Robinho na derrota do Cruzeiro para o Grêmio, na noite de quinta-feira, em Porto Alegre, foi bem mais grave do que se imaginava. Neste sábado (7), o clube anunciou que o jogador terá de ser submetido a uma cirurgia no joelho esquerdo e poderá ficar até seis meses sem jogar.

“O Robinho passou hoje (sábado) por uma ressonância magnética, que possibilitou a confirmação da lesão do ligamento colateral medial total, que é uma lesão de grau três”, explicou o médico. “Além desse caso, o atleta apresentou uma lesão de um outro ligamento que estabiliza a patela, o osso anterior ao joelho, sendo que ambas são lesões cirúrgicas.”

A data da cirurgia ainda não foi marcada. Embora o médico diga que não é possível estabelecer um prazo exato para a recuperação, já se sabe que Robinho não estará pronto para jogar futebol antes de abril do ano que vem.

“Não iremos definir ainda o prazo de recuperação, pois está muito ligado ao ato cirúrgico, mas será um prazo menor do que o praticado em uma cirurgia de ligamento cruzado anterior. Imagino que o Robinho poderá ser liberado entre os próximos quatro a seis meses.”

A ausência de Robinho é mais um problema para o técnico Adilson Batista para o jogo decisivo deste domingo contra o Palmeiras, no Mineirão, às 16h.
Além do meia, o treinador também não terá os laterais Edilson e Egídio e o volante Ariel Cabral, todos suspensos.

Para o Cruzeiro escapar do rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro, só há uma combinação possível: vitória sobre o Palmeiras e derrota do Ceará para o Botafogo, no mesmo horário, no Engenhão.