Felipe Melo faz gesto obsceno a santistas e provoca: ‘Não enchem estádio’

0
119
Compartilhe

Torcida na Vila Belmiro gritou “não é mole, não! Felipe Melo afundou a seleção!” em clássico no qual o Santos bateu o Palmeiras por 2 a 0.

 

O volante Felipe Melo se estranhou com a torcida santista na noite em que o Palmeiras foi derrotado na Vila Belmiro por 2 a 0. Nesta quarta-feira, o veterano ouviu provocações da torcida local, fez gestos obscenos no intervalo e, no fim, alfinetou os adversários.

Dominado pelo Santos, o Palmeiras encerrou o primeiro tempo já perdendo por 2 a 0. Posicionados perto da entrada do vestiário visitante, torcedores hostilizaram os jogadores do time alviverde. Diferentemente dos companheiros, Felipe Melo reagiu com gestos obscenos, cena documentada e publicada em redes sociais.

No segundo tempo, torcedores entoaram o coro de “Não é mole, não! Felipe Melo afundou a Seleção!”. No momento em que o árbitro Flavio de Souza mostrou o cartão amarelo ao meio-campista palmeirense, os santistas vibraram na Vila Belmiro, ocupada por 11.408 pagantes.

Em entrevista ao Esporte Interativo, logo após o apito final, Felipe Melo também provocou. “O ambiente, cara? Tem 11 mil pessoas. Em um clássico, eles não conseguem encher o estádio. Um clube mítico como esse. Não tem condições de eu falar de uma torcida que.”, disse, fazendo uma careta.

Ao falar sobre a partida, porém, Felipe Melo foi elogioso em relação ao time comandado pelo técnico Jorge Sampaoli. Para o volante, os dois gols sofridos em 17 minutos, anotados por Gustavo Henrique e Marinho, comprometeram o Palmeiras no clássico.

“Jogamos contra um time muito forte e bem treinado, que tem uma movimentação muito importante. Nos primeiros 20 minutos, nós pecamos. Voltamos para o segundo tempo e, inclusive com um a menos (Willian foi expulso), tivemos um trabalho em equipe muito importante, mas perdemos em 20 minutos”, analisou.

(Com Gazeta Press)