Avisos espalhados pelo STF revelam o ‘efeito hacker’ na Corte

0
72
Compartilhe

Escultura “A Justiça”, do artista Alfredo Ceschiatti, em frente ao STF (STF/Divulgação)

Os efeitos da vaza-jato ainda são sentidos em Brasília. Nos corredores do Supremo Tribunal Federal (STF), uma placa faz o alerta para que os funcionários da casa não compartilhem mensagens “sensíveis”.

Um texto explica que a praticidade das novas formas de comunicação pode trazer riscos e recomenda: “não conte com a sorte, faça sua gestão de riscos”. E destaca: “isso é gestão de crise”.(Veja)