Policia Civil-RJ faz operação em endereços de Flordelis

0
206
Compartilhe

Foram expedidos quatro mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro e em Brasília. A deputada federal está no Rio de Janeiro, segundo assessoria..

Equpes de policiais da Divisão de Homicídios do Rio de Janeiro, que investigam a morte do pastor Anderson do Carmo cumprem nesta terça-feira (17) quatro mandados de busca e apreensão em endereços ligados à deputada federal Flordelis (PSD). No momento a parlamentar está no Rio de Janeiro.

Dois dos filhos do casal estão presos pelo assassinato. A polícia ainda apura a motivação para o homicídio.

A suspeita é que Anderson foi morto por motivos financeiros e desavenças sobre a gestão patrimonial da família.

Onde as equipes estão

As equipes da Civil estao no local do crime, em Niterói; casa em Jacarepaguá, na Freguesia; gabinete no Centro do Rio, na Rua 1º de Março; apartamento funcional em Brasília, na Asa Norte.

O crime completou três meses nesta segunda-feira (16). Anderson foi morto com vários tiros, na garagem da casa da família, em Pendotiba, Niterói, em 16 de junho.