Bolsonaro se manifesta sobre sequestro e defende a atuação de snipers

0
228
Compartilhe

O presidente disse que não pode ter ‘pena’. Mas, ao ser questionado se defende a execução de um criminoso como esse, ele disse que defende que o cidadão de bem não morra na mão dessas pessoas. Voltou a dizer que vai mandar ao Congresso o projeto de excludente de ilicitude para que o policial tenha o poder de agir em situações como a que foi registrada na Ponte Rio-Niterói.

 

 

Redação/FOTO: Antonio Cruz/Agência Brasil