Eduardo Bolsonaro questiona se o povo “choraria” com “bomba no Congresso”

0
353
Compartilhe

 

 

A jornalista tinha postado, em seu Twitter, um vídeo que o atual presidente afirmava, em 2018, que “haveria festa no Brasil” se o Parlamento fosse atingido.

 

Na tarde desta quarta-feira (26), o filho do presidente Jair Bolsonaro, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, questionou à jornalista Vera Guimarães se ela acreditava que a população “choraria” se “houvesse uma bomba no Congresso”.

A jornalista tinha postado, em seu Twitter, um vídeo que o atual presidente afirmava, em 2018, que “haveria festa no Brasil” se o Parlamento fosse atingido.

No mesmo tweet, Eduardo acusou a jornalista de viver em uma bolha e tentar criar atrito. Ela respondeu que acha que “se houver uma bomba H no Congresso, do qual o senhor e seu irmão fazem parte, será um ato terrorista. E, se o povo não se preocupar com isso, a democracia acabará. A mesma que o seu pai jurou respeitar”. “Sim, o senhor está certo: há um abismo a nos separar”, completou a jornalista.